Viver e trabalhar em Barcelona

02 Set, 2012

A cidade de Barcelona não é apenas uma cidade turistica, a cidade oferece uma qualidade de vida acima da média, e é extremamente agradável viver e trabalhar em Barcelona.Se está a pensar nessa possibilidade, e gostaria de saber como fazê-lo aqui ficam algumas dicas:

 


 

trabalhar e viver em Barcelona

Viver e trabalhar em Barcelona: Dicas

Primeiro que tudo dever ter algumas noções de espanhol. Antes de viajar faça um curso de iniciação, por exemplo no Instituto Espanhol e continue a sua formação quando lá chegar. Terá mais hipóteses de emprego e será muito mais fácil para si a adaptação a um novo país, que embora seja nosso vizinho, não deixa de ter algumas diferenças.

A viagem até Barcelona pode ser feita de várias formas, de carro, caso, queira levar o seu veículo ou de autocarro, mas a mais económica é sem dúvida ir de avião. São alguns os voos low cost existentes para esta cidade, dos quais destacamos as companhias áreas Vueling (http://www.vueling.com/PT/ ), EasyJet (www.easyjet.com/pt), Air Europa (http://www.aireuropa.com/ ) e Raynair (http://www.ryanair.com/pt) como sendo das mais económicas. As três primeiras com partidas de Lisboa, e a última do Porto. Para o aeroportos de Faro e Funchal só mesmo a Tap (www.flytap.com ).Obviamente pode usar o nosso site para encontrar as melhores ofertas de viagens low cost para Barcelona.

Alojamento em Barcelona

Se possível fique em casa de amigos ou familiares, até encontrar alojamento, só assim irá ficar mais barato para si. Se não tiver onde ficar faça a sua reserva num hostel ou hotel antes de embarcar, por exemplo em www.booking.com. Assim que chegar a Barcelona comece por procurar habitação. Existem várias opções, desde apartamentos partilhados a estúdios. O valor do aluguer de um apartamento partilhado anda à volta dos 300 e 400 euros e é necessário dar uma fiança de 1 ou 2 meses de aluguer. Se preferir um apartamento ou estúdio, este fica à volta dos 550 euros, podendo chegar aos 1000 euros, dependendo da localização do mesmo. Para encontrar a casa ideal, opte por pesquisar em sites da especialidade como www.loquo.com. Também pode optar pelas agências imobiliárias, mas esta opção é regra geral, um pouco mais dispendiosa, pois podem cobrar uma taxa extra. Se tem menos de 30 anos, pode pedir ajuda ao estado espanhol para o aluguer. Estas ajudas rodam os 210 euros. Consulte todas as informações aqui www.alquilerjoven.es.

 Documentação para viver e trabalhar em Barcelona

É essencial que assim que se instale trate de toda a documentação necessária como o NIE (Número de Identificación de Extrajeros), para que esteja, por assim dizer, identificado. Pode tirar este documento na Delegación de Gobierno, que fica no Paseo de Borbó. Para que possa trabalhar no país tem que fazer um documento semelhante à nossa segurança social, o Número de Afiliación en la Seguridad Social. Para que seja mais fácil não só para alugar casa, mas também para receber o seu salário quando encontrar emprego, é essencial que abra uma conta no banco. Normalmente o Bilhete de Identidade é suficiente, embora seja aconselhado levar o passaporte.

Para que tenha acesso aos serviços básicos como os hospitais convém estar registado na freguesia do bairro onde reside. Para isso precisa de fazer um Empadronamiento. Os serviços estão divididos por bairros residenciais, sendo este Empadronamiento fundamental para que possa usufruir deles, assim como para obter o cartão de Saúde CatSalut (Sistema Nacional de Saúde da Catalunha).

 Transportes públicos em Barcelona

Os meios de transporte em Barcelona são essencialmente o metro, comboio e rede autocarros existentes. Existem cerca de 50 linhas de autocarro, que circulam entre as 6h30 e as 22h00.  De noite existem as carreiras nocturnas, que circulam até às 4h da manhã. O metro é o meio de transporte mais rápido e usado, com linhas identificadas por cores e números. Funcionam entre as 5h da manhã e a meia noite de Segunda a Quinta, Domingos e Feriados e nas vésperas de feriados, e sextas até às 2h da manhã e aos sábados, véspera de ano novo, 24 Junho, 15 Agosto e 24 de Setembro a circulação é contínua. Pode adquirir passes mensais ou trimestrais combinados ou não com outros transportes. Veja aqui http://www.tmb.cat/en/bitllets-i-tarifes o que é mais vantajoso para si.

 

Se ainda não tem emprego, encontrara-lo em Barcelona é relativamente simples. Basta para isso que consulte este site www.infojobs.net, onde pode seleccionar algumas ofertas que lhe agradem ou registar aí o seu currículo para que empresas interessadas o consultem. Tudo gratuitamente. Pode também optar pelas empresas de trabalho temporário, especializadas na procura de emprego como por exemplo: www.adecco.es , www.randstad.es ou www.manpower.es .

 

O custo de vida em Barcelona é muito semelhante ao de Portugal, embora o aluguer possa ser um pouco mais elevado, tendo em consideração o valor do salário mínimo que ronda os 750 euros. Em relação à alimentação os valores são parecidos, até mais baratos em cadeias de supermercados como o Dia, pelo que não irá notar grande diferença.

Em conclusão, a cidade de Barcelona é óptima para viver, mas também é bastante cara, pelo que deve pensar bem antes de se mudar.De qualquer maneira, ficam os nossos conselhos para quem quer trabalhar e vivier em Barcelona.

 
  
Viagens relacionadas

Deixe a sua opinião




Tema WordPress exclusivo por Sybo (C) 2015 - viagens low cost – Reservar viagens baratas