Viajar para a Russia: O que precisa saber

13 Set, 2012

Apesar de não ser um país muito apetecível para viver (especialmente pelos Invernos rigorosos), a Russia é sem sombra de dúvida, um destino de férias que cada vez mais popularidade tem vindo a ganhar no decorrer dos últimos anos, não fosse esta uma nação riquíssima em elementos de elevado valor cultural, que farão as delícias de todos aqueles que a visitarem. Com o desenvolvimento de uma política de recepção de turistas cada vez mais amigável, a Moscovo é agora um local relativamente seguro para os seus visitantes, o que tem vindo a contribuir para torná-la num dos mais empolgantes destinos turísticos para se viajar no continente Europeu.

voos moscovo russia

Voos e Alojamento na Russia:

As viagens para a Russia não serão propriamente baratas, em parte por não existirem voos low cost para a Russia, no entanto , a TAP tem excelentes preços para Moscovo, onde é possivel conseguir voo de ida e volta para Moscovo, por menos de 400€. Recorde se que Lisboa está quase a 5000km de distância, pelo que é muito dificil conseguir voos baratos a preços mais baixos. Para os mais aventureiros, podem sempre apanhar um voo da Ryanair até á Letónia, e dai fazer os 1000km que separam de Moscovo, de comboio ou autocarro.

No que diz respeito a alojamento, dormir em Moscovo está cada vez mais caro. A cidade de Moscovo está entre as mais caras cidades Europeias, sendo que o preço de um hotel médio, ronda os 100 a 150€ por noite. Pode encontrar aqui todos os hoteis existentes em Moscovo e os seus preços.

O que visitar durante as suas férias:

 

A diversidade de atracções turísticas é tão vasta que não terá qualquer dificuldade em preencher da melhor forma cada um dos dias que passar neste país. No entanto, como o tempo poderá não dar para tudo, vale a pena tomar nota de quais os destinos mais importantes a visitar, de modo a certificar-se de que não abandona este impressionante local sem antes ter a certeza que ficou a conhecer tudo aquilo que realmente interessa.

 

Teatro Bolshoi

Sem dúvida um dos mais importantes edifícios históricos a serem visitados na cidade de Moscovo. Desenhado pelo arquitecto Joseph Bové e inaugurado em 1825, este importante ponto turístico de Moscovo destaca-se, primordialmente, pela sua emblemática fachada neoclássica que é representada na nota de rublos, sendo, por isso, um dos mais icónicos símbolos da Federação Russa. Ao longo dos anos tem sido alvo de diversas renovações, que não só têm tido como objectivo torná-lo mais apelativo a nível estético, como também mais seguro para os seus visitantes. Se durante a sua passagem pela Rússia visitar Moscovo, este é um edifício que não deverá deixar de conhecer.

 

Peterhof

Esta atracção representa um conjunto de palácios e jardins distribuídos por Pedro, O Grande e situa-se numa pequena cidade nas proximidades da antiga capital Russa, São Petersburgo. Sendo uma verdadeira joia da arquitectura Russa, o Peterhof é composto por um total de dezanove maravilhosos palacetes que irão deixá-lo verdadeiramente maravilhado, incluindo “O Grande Palácio”. Os jardins altos, que também poderão ser visitados, dão cor e alma Peterhof, oferecendo uma atmosfera natural particularmente indicada para longas e relaxantes caminhadas.

 

Museu Histórico do Estado

Situa-se entre a praça vermelha e a praça manege de Moscovo, e é composto por diversas peças de elevado valor patrimonial, que vão desde relíquias pré-históricas, outrora pertencentes a tribos que habitavam o território Russo, a antigos objectos que fizeram parte da colecção de diversos membros da dinastia Romanov. Ao todo, são milhões as peças expostas neste espectacular edifício, que representa um dos mais importantes museus de toda a Rússia.

 

Campanário de Ivan III

Construída em 1600 esta é uma magnífica torre de pedra que possui uma altura total de 81 metros e encontra-se coroada com uma majestosa cúpula dourada, possuindo, também, o Sino do Czar, que mais não é do que o maior sino do mundo, pesando mais de 200 toneladas.

 

Igreja da deposição das vestes

Esta igreja encontra-se situada na Praça das Catedrais, no Kremlin de Moscovo. e teve a sua construção iniciada por volta do ano de 1487. O nome da igreja tem como objectivo fazer referência a uma festividade do século V, que celebrava a viagem das vestes de Nossa Senhora entre a Palestina e Constantinopla, e é hoje uma das mais visitadas igrejas de toda a Rússia.

 

Kremlin de Moscovo

O Kremlin é uma fortaleza situada no centro da cidade de Moscovo, e serve actualmente como sede para o governo da Rússia. Tem uma ocupação de cerca de 80 hectares e caracteriza-se pela posse de diversos monumentos de elevado valor histórico no seu interior, entre eles o Palácio das Facetas, o Palácio dos Terems, O Grande Palácio de Kremlin, a Catedral da Anunciação, a Catedral do Arcanjo Miguel, entre muitos outros. Pelo facto de ser composto por tantos pontos turísticos de valor patrimonial incalculável, o kremlin é, sem qualquer dúvida, considerado como sendo a mais importante atracção turística de toda a Rússia. Assim sendo, se a sua viagem à Rússia tiver como destino Moscovo, este é um daqueles pontos de interesse que não deverá mesmo deixar de visitar.

Em conclusão, passar umas férias em Moscovo e na Russia é uma excelente opção para quem procura umas férias culturais, e conhecer uma das mais belas capitais Europeias.

 
  
Viagens relacionadas

Deixe a sua opinião




Tema WordPress exclusivo por Sybo (C) 2015 - viagens low cost – Reservar viagens baratas